Postagem em destaque

Visita Virtual

domingo, 20 de setembro de 2015

Desilusão


No baú dos segredos
Coloquei todas as minhas ilusões
E um resto de sonhos não concretizados.
Aos amores que não tive
E aos que perdi,
Juntei as desilusões,
Que muito me pesavam sobre os ombros.
E tudo coloquei, no mesmo baú.
Depois,
Arrastei-o para o jardim,
E lá, enterrei para sempre,
O que ainda restava de mim!

Nenhum comentário:

Postar um comentário